2
FOTOBOL . ( O Futebol em Fotografia )

 

36ª Edição
1950
CLUBE NÁUTICO CAPIBARIBE
CAMPEÃO
Campeonato Pernambucano de Futebol
1950
Times
5
Duração
18/05 a 21/01/51
Jogos
42
Gols
152
Média por Jogo
3,62
NÁUTICO
4º TITULO
Clube Náutico Capibaribe - Fundado em 07 de abril de 1901
 
CLASSIFICAÇÃO FINAL PG J V E D GP GC SG
1 Náutico 28 19 11 6 2 46 26 20
2 América 20 19 7 6 6 31 32 -1
3 Sport 21 16 9 3 4 33 24 9
4 Santa Cruz 15 16 4 7 5 28 28 0
5 Íbis 2 16 0 2 6 14 41 -28
Tecnico Campeão
Palmeira
OS MELHORES
MELHOR ATAQUE
NAUTICO
46 GOLS
MELHOR DEFESA
SPORT
24 GOLS
 
Artilheiro
Amorim (Náutico) --- 14 Gols
OS PIORES
PIOR ATAQUE
IBIS
14 GOLS
PIOR DEFESA
IBIS
41 GOLS
 
MAIOR GOLEADA
America 5 X 1 Ibis

O INICIO

O Clube centenário Náutico Capibaribe é o mais antigo dos clubes pernambucanos. A equipe foi fundada como clube de remo, por isso chama-se Náutico. No primeiro ano do século os recifenses reuniram-se para comemorar a vitória dos legalistas sobre os rebeldes de Antônio Conselheiro. Entre as festividades, foi programada uma disputa náutica. Poucos meses depois os "atletas" decidiram fundar um clube para esportes náuticos, chamado a princípio de Recreio Fluvial. Com o surgimento do futebol na capital pernambucana, o nome da agremiação mudou para Clube Náutico Capibaribe, onde havia modalidades aquáticas e terrestres. Os primeiros futebolistas começaram a jogar em 1906 e a equipe era completamente formada por ingleses. Em 1915 foi criada a Liga Esportiva Pernambucana, com a participação do Náutico. Mas o primeiro título dos alvirrubros só veio onze anos depois, em 1934. A segunda conquista aconteceu em 39. Na época, brilharam os incríveis irmãos Carvalheira

 

A DÉCADA DE 60

No início dos anos 60 o Náutico sobrou em Pernambuco. A equipe foi hexacampeã sem adversários no Estado. O time era tão bom que os jogadores foram chamados de "Os Intocáveis". Até hoje nenhum outro time pernambucano conseguiu repetir a façanha dos alvirrubros. Não era para menos. Craques como Bita, Lala, Elói e Nado eram praticamente deuses da torcida. O Náutico chegou às semifinais da Copa Brasil em 67, derrotando o Santos de Pelé e cia. em plena Vila Belmiro. Os alvirrubros não só venceram como golearam o Peixe por 5 a 3. A equipe jogava por musica. Conquistou ainda o tri-campeonato da Copa Norte da Taça Brasil de 1965 a 1967; foi vice-campeão da Taça Brasil em 1967 e campeão estadual invicto em 1964 e 1967. Em 1966, venceu o Sport Recife na final do estadual por sonoros 5 a 1. A maior goleada registrada em uma final pernambucana.
1949 INICIO VOLTAR 1951
TABELA
1950